Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Precisando do nosso logo? Baixe-o em um dos seguintes formatos:
Vetorial (.svg)|Rasterizado em alta resolução (.jpg)|Ícone (.ico)
Obs.: não utilize nossa marca sem autorização.
Feito!
Erro!

Esqueci minha senha
Ouça ao vivo
Logo Google play-50-28Baixar App p/ AndroidLogo apple itunes-50-30Baixar App p/ iOs

Lance Armstrong indica que federação mundial acobertou doping em 1999

Anterior ▲Próximo ▼
 
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:hu, confirmado, dirigente, declaração, comentar, encontrado, testes e anormais257 palavras4 min. para ler
Lance Armstrong indica que federação mundial acobertou doping em 1999
Ver imagem ampliada
O ex-ciclista americano Lance Armstrong fez novas revelações sobre o escândalo de doping que o baniu para sempre do esporte e relatou que o holandês Hein Verbruggen, ex-presidente da UCI (União Ciclística Internacional), pode ter acobertado um teste positivo do atleta para corticoides na época da Volta da França de 1999, vencida pelo americano. Armstrong narrou a história para o jornal inglês “Daily Mail“.

“Me lembro que houve um problema. Não tenho certeza se deu positivo, mas resquícios foram encontrados“, conta Armstrong, que relatou também as palavras de Verbruggen. “Ele disse: `isso é um problema sério para mim. É um nocaute para nosso esporte, um ano após Festina [outro escândalo de doping da Volta da França, de 1998], e precisamos fazer alguma coisa`. Então, antecipamos a data da receita“, revelou o ciclista.

Verbruggen, que havia confirmado no último mês de janeiro que a UCI realmente informava os ciclistas sobre resultados anormais nos testes de doping, não foi encontrado para comentar a declaração de Armstrong. O dirigente já negou, em outras ocasiões, ter acobertado resultados positivos do ex-atleta nos exames.

A entrevista para o “Daily Mail“ marcou também o encontro de Armstrong com a irlandesa Emma O`Reilly, ex-integrante da equipe médica do americano e que foi uma das denunciantes do escândalo de doping.

Armstrong se desculpou pelas declarações ofensivas que fez a O`Reilly na época em que negava as acusações – Ele só assumiu que se dopou no início deste ano, após ter sido banido do esporte.


Fonte: esporte.uol.com.br
Foto: sportfm.hu

Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Texto curta nosso site.PNG

Patrocinadores

UnoChapecóUnimed Chapecó