Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Precisando do nosso logo? Baixe-o em um dos seguintes formatos:
Vetorial (.svg)|Rasterizado em alta resolução (.jpg)|Ícone (.ico)
Obs.: não utilize nossa marca sem autorização.
Feito!
Erro!

Esqueci minha senha
Ouça ao vivo
Logo Google play-50-28Baixar App p/ AndroidLogo apple itunes-50-30Baixar App p/ iOs

Filme sobre Wikileaks tem péssima estreia após Assange criticá-lo

Anterior ▲Próximo ▼
 
« Última» Primeira
ImprimirReportar erroTags:press, faturamento, número, disponíveis, dados, ainda, eua e us172 palavras2 min. para ler
Filme sobre Wikileaks tem péssima estreia após Assange criticá-lo
Ver imagem ampliada
A estreia do filme “O Quinto Poder“ nos Estados Unidos foi a pior do ano para um filme que é lançado em mais de 1.500 cinemas, após uma campanha do próprio fundador do Wikileaks, Julian Assange, contra o longa-metragem, considerado por ele como “propaganda hollywoodiana“.

No site do Wikileaks, um comunicado de Assange diz: “Esta semana, em vez de perder seu tempo e dinheiro com propaganda de Hollywood, que tal reunir os amigos e dedicar seu tempo para ver `Mediastan`, em vez disso?“, referindo-se ao seu próprio documentário sobre a trajetória da Wikileaks, disponibilizado para download gratuitamente no site.

A estreia de “O Quinto Poder“ teve um faturamento de US$ 1,7 milhão em 1.769 cinemas nos EUA, mas ainda não há dados disponíveis sobre o número de downloads feitos do documentário de Assange.

Além da campanha negativa de Assange, pessoas de dentro da indústria cinematográfica apontam uma certa falta de interesse por parte da audiência conservadora norte-americana pelo Wikileaks, segundo o Hollywood Reporter.

Fonte: Folha de SP
Foto: Philip Toscano/Associated Press

Compartilhar página nas rede sociais:
CompartilharCompartilharTweetarCompartilharPin it

Texto curta nosso site.PNG

Patrocinadores

UnoChapecóUnimed Chapecó